Blookg

Fim e inicio

A conversa já ia longa, longa demais, e ele já começara a ficar saturado, provavelmente as coisas entre eles iam acabar, já não tinham mais para dar um ao outro, já nem o sexo os saciava, pelo menos um com o outro.
Ele inconscientemente puxou de mais um cigarro, um vício já antigo, algo que a irritava profundamente, e em menos de um fósforo o pequeno quarto ficou enevoado. Partilhavam aquele apartamento desde que eram caloiros, agora já estavam formados e empregados parecia que tal como o curso o romance tinha acabado.Tinham se visto pela primeira vez sobre o sol quente de setembro do primeiro dia de praxes, embora so tenham falado no segundo dia. Ele alfacinha de gema, ela tripeira ferranha. Ele achava-se punk, com madeixas vermelhas no cabelo castanho, bandana, corrente e phones sempre com musicas aceleradas, ela achava-se hippie, decorava o cabelo com flores e vestia-se como se nos anos 70 se estivesse.
Porem ambos procuravam amor e nenhum deles era de facto como aparentava -manias da idade. Porem nenhum estilo urbano ou pseudo ideologia o impediu de a desejar, sonhar com ela, querer beijar aqueles lábios carnudos, nem de o deixar perder naqueles olhos cinza, porem foi a irreverência que ele ostentava ( e os seus misteriosos olhos verdes) que a fizeram desejar-lo. Antes que dessem por isso estavam a chuva a porta do metro, sobre o cinzento e tenebroso luar das tardes de novembro  agarrados, encharcados a tremer de frio a trocar violentos e apaixonados beijos.
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s